Costela de Porco com Alho Poró e Alecrim

Eu aprendi a apreciar as carnes de porco e a costela então é algo mais que gostoso, o marido de uma amiga faz uma pancetta que é coisa de Deus, ainda vou pedir pra ele escrever aqui a receita.

Milton, uma quase intimação, :p

Queria postar ela como cardápio de fim de ano, mas ela serve para qualquer momento e ocasião.

costeladeporco

Costela de Porco com Alho Poró e Alecrim

1.5 kg de costela de porco ( compre de açougues de sua confiança)

4 ramos de alecrim

1 talo de alho poró fatiado

Folhas de salsinha picada

1 cebola branca fatiada

3 dentes de alho amassado

1 col de chá de pimenta calabresa seca

1 col de chá de alho em pó

1 col de sopa de sal ou quanto baste

1/2 xic de azeite de oliva

Suco de 1 limão

Com antecedência, em uma fôrma ou refratário, use todos os temperos e faça uma pasta, acrescente a costela e com as mãos lavadas e secas esfregue a pasta na costela, quando toda a carne estiver com a pasta, embale com plastico filme e deixe descansar na geladeira até o dia seguinte.

Depois de pelo menos 12 horas na geladeira, retire o filme, acrescente 1 xic de água e leve ao forno pré aquecido a 200 ºC coberto com papel aluminio por 1 hora. Depois retire o aluminio e deixe dourar por mais 30 minutos. Sirva quente.

 

Filé de Pescada com Molho de Limão e Coentro

Ola pessoal!!!

Andei afastada daqui por motivos de saúde e acho que se conseguir postar mais um cardápio será como esse, sem fotos…mas todas as receitas eu já fiz em outras épocas e dão certo.

Pri, essa é uma das que te devo, e pessoal minha máquina tá uma belezura que não está exportando as fotos…e só tenho de uns cardápios que fiz para o blog e salvei antes dela bancar a má, vou colocar todas depois.

Esse cardápio pensei em nosso clima quente e fica tanto uma ceia leve ou um almoço sem sair rolando, rs

Cardápio:

Filé de pescada com molho de limão e coentro

Salada Waldorf

Mango Thai

processamento-de-files-de-peixe-cursos-cpt

Filé de Pescada com Molho de Limão e Coentro

1. 5 kg de filé de pescada limpo

600 gr de palmito cortado em fatias diagonais

300 gr de abobrinha cortadas no sentido do comprimento

1/4 xic de chá de suco de limão

3 col de sopa de azeite de oliva

1 col de sopa de gergeline ( molho de gergelim)

1 col de sopa de coentro picado

Sal, pimenta -do -reino moida, oregano seco e 1 col de molho de soja fermentada

Pimenta rosa para decorar

Preaqueça o forno a 200ºC.

Coloque o peixe na assadeira e tempere com o sal, pimenta-do-reino, oregano e molho de soja fermentada.

Asse por 15 a 20 minutos ou até soltar as lascas. Enquanto isso, aqueça uma frigideira antiaderente com azeite e, em fogo alto, refogue a abobrinha rapidamente até ficarem douradas e al dente; retire do fogo e reserve.

Aqueça rapidamente o palmito e reserve.

Retire os filés com cuidado e coloque em uma travessa

Misture o suco de limão, o gergeline e o coentro sobre o peixe. Na mesma travessa arrume a abobrinha e o palmito, regue mais azeite e espalhe a pimenta, sirva em seguida.

Costela com Erva – Doce e Alho Inteiro

Começa o Especial de Natal da Via Paleo, espero que gostem dessa combinação de receitas para as festas. E, se você achar que a peça escolhida aqui está acima do seu orçamento, você pode usar qualquer outra peça que agrade seu bolso e fique boa de assar…

As receitas serão postadas separadamentes, mas o cardápio sempre ficará no prato principal…

Nessa semana, todas as receitas do cardápio estarão disponíveis!

Cardápio:

Entrada: Salada de rúcula, tomate grape e lascas de parmesão

Guarnição: Guacamole 

Prato Principal: Costela  bovina com erva-doce e alho inteiro

Sobremesa: Panetone de Batata Doce

Vamos a receita do Prato Principal!

DSCN1861[1]

Costela com Erva- Doce e Alho Inteiro

1,7 Kg de costela bovina

5 colheres de sopa de azeite

1 colher de chá de oregano seco

10 dentes de alho inteiros descascados

2 bulbos de erva-doce cortado em 4

Suco de 1 limão Siciliano ou rosa

Sal e pimenta a gosto

Água

Preaqueça o forno a 240ºC

Tempere a costela com 2 col de sopa de azeite, esfregue o oregano,limão, sal e pimenta. Deixe descansar por 1 hora.

Em uma assadeira, misture os dentes de alho, erva-doce, 2 col de sopa de azeite, sal e pimenta. Leve para assar por 10 a 15 minutos ou até dourar, retire do forno e reserve.

Coloque a costela na parte central da assadeira, e coloque  a erva-doce e alho, cubra com papel aluminio, junte 1 xic de chá de água e asse por 1 hora e 30 minutos, se necessário, acrescente mais um pouco de água para não secar a assadeira.

Retire o papel e deixe no forno assando por mais 1 hora, molhando a carne com o caldo da assadeira, ou até a carne ficar macia, mas sem ressecar

Retire do forno, envolva em papel aluminio e deixe repousar por 5 minutos. Arrume em uma travessa e sirva com o molho peneirado.

 

Coxinha 2 A Revolta da Massinha

Algumas coisas na vida temos que brincar,  se for levar algumas pessoas a sério, eu correria para as montanhas, rs

Nesse último sábado em SP, lá na avenida Paulista, algumas pessoas foram manifestar nas ruas o retorno da Ditadura Militar, eu fiquei  ‘0’

Será que essas pessoas sabem de verdade o que foi esse periodo torpe no Brasil? Não vou transformar meu blog em discurso partidário, ok! Por que, estou falando de momento histórico…daquilo que aconteceu no País não muito tempo atrás.

E,  uma pessoa querida me pediu pra fazer coxinhas e lembrei do termo usado pelos paulistanos a pessoas com certas características políticas, rs. Ela queria massa na coxinha, já que a minha preferida é sem, rs e vai lá eu testar, ela mesma deu a idéia de usar mandioquinha e não é que ficou maravilhosa…Cara! Sou suspeita pra falar, né! Então, vá pra cozinha e teste…Por favor, vem aqui depois contar o resultado!

Depois descobri que os Carecas das Cavernas também fizeram, recomendo vocês a assistirem o video e fazer essa outra versão.

E, quanto a revolta da massinha…ela ganhou!!! Mas, não desistirei jamais da luta pela coxinha sem massinha :p

Foto Patricia Ayres

Foto Patricia Ayres

Coxinha

500 gramas de mandioquinha cozida e amassada

400 gramas de peito de frango desfiado e temperado

1 colher de chá de alho em pó

1/2 xic de chá de polvilho azedo, serve o doce também

Sal a gosto

1 ovo grande

cebola, alho, pimenta, ervas a gosto

2 tomates sem pele

1/2 xic de azeite de oliva, pode ser o extra virgem

1 xic de chá de coco ralado fino ou o médio

2 ovos inteiros batidos

Banha o suficiente para fritar

Coloque a mandioquinha para cozinhar ,escorra e amasse bem. Reserve frio

Cozinhe o frango com ervas, sal, alho, escorra e desfie.

Leve ao fogo com 1/4 xic de azeite de oliva a cebola, alho, tomate sem sementes, ervas variadas, pimenta e refogue, até ficar bem sequinho.Reserve frio

Com a mandioquinha fria, em uma tigela grande, misture o alho em pó, o sal, o ovo e por ultimo a fécula aos poucos, vá misturando com as mãos( limpas né), até a massa ficar macia, firme e que solte um pouco da mão.

Para moldar , use o restante do azeite e umedeça as mãos, pegue uma porção da massa, abra como um disco grosso, acrescente o frango no centro e vá fechando a mão para a massa fechar nas pontas, termine de modelar com as mãos.

Passe cada coxinha nos ovos batidos e em seguida no coco ralado, coloque sobre  papel manteiga e leve para fritar em banha quente. Deixe dourar e escorrendo em papel absorvente, sirva quente.

Acredito que com essa massa dá pra fazer recheio de queijo, de presunto, de camarão, de siri, de bacalhau…hummm, parei!!!

Bolo Salgado com Frango e Vegetais

Eu amo fazer doces, eles tem uma beleza estética tão agradavel, mas não sou muito chegada a eles, principalmente se for a doçaria tradicional…meus doces é de paladar leve e suave,  que os deixa suportáveis pra mim, rs.

Já comida salgada, sendo comida de verdade, aceito qualquer coisa, de qualquer jeito…amo caças, amo comidas exoticas e diferentes…sou uma “draga” nesse aspecto, rs. Esse bolo é especialmente gostoso, com ingredientes bacaninhas e podendo fazer uma variação gigantesca, por que ele é fácil de fazer e ingredientes baratos podendo deixar com uma aparência bonita, use a criatividade, para incrementar os recheios e você vai ter um complemento para oferecer às visitas .

Vamos para a receita:

bolocomfrangoevegetais

 

Bolo com Frango e Vegetais

2 xic de coco ralado fino

3 ovos

100 gramas de manteiga

1 col de chá de sal

3 col de fécula de mandioca ou farinha de arroz

1 col de sopa de fermento em pó sem gluten

1 1/2 xic  de leite de coco (pode ser creme de leite)

Recheio:

500 gramas de frango cozido, temperado e desfiado

100 gramas de chuchu

1 cenoura pequena ralada

1 aspargo (opcional)

100 gramas de queijo parmesão ralado

Pre aqueça o forno a 190ºC e Unte e enfarinhe uma forma de 15×25

Coloque os ingredientes do bolo no liquidificador, lembrando que os líquidos primeiro e bata até homogenizar, despeje na forma .

Recheio:

Cozinhe o frango na pressão com várias ervas(manjericão, oregano, salvia), pimenta do reino, salsão,sal, depois de cozido, escorra o caldo(guarde esse caldo, pelo amor de Deus, dá pra usar em outros vários pratos) e volte a panela de pressão para desfiar o frango(como fazer aqui).Reserve.

Cozinhe o chuchu picado por 10 minutos, rale a cenoura, misture esses ingredientes ao frango desfiado, acrescente sal e pimenta do reino e coloque por cima da massa do bolo, delicadamente. Acrescente o queijo parmesão e o aspargo. Leve para assar por 30 minutos ou até o palito espetado na massa saia seco.

Substitua os vegetais, a carne, os temperos…o céu é o limite!

 

 

 

Lasagna de Abobrinha

Amo abobrinha, ela é muito versátil, de sabor suave e vai bem com frango, carne e peixe, é inclusive peixe!

Mas hoje venho trazer uma versão da antiga lasagna…não, não quero reproduzir o passado, mas a mistura de carne moída, molho de tomate e queijos é simplesmente deliciosa, bem, pelo menos pra mim, rs

E, essa lasagna é muito simples,  poucos ingredientes e muito saborosa…muito mesmo. Todos aqui em casa comem e repetem. Vale a pena!

Fora que a abobrinha é um bom alimento, presta atenção:

Um alimento de baixo IG (100g oferece cerca de 3 carbos). Além disto, é rica em niacina e fonte de vitaminas do complexo B e vitamina A. Potássio, fósforo, cálcio, sódio e magnésio também são encontrados em sua composição.

Um excelente alimento e de bom preço!!!  Não pode faltar na sua despensa!

Vamos para a receita?

dscn1658[1]

 

Lasagna de Abobrinha

3 abobrinhas em fatias

500 gr de carne moída de segunda

1 cebola picada

3 dentes de alho amassado

1 pitada de pimenta jalapeña

1 pitada de pimenta- do- reino branca

Folhas de sálvia fresca

Folhas de manjericão fresco

1 col de chá de regano seco

1 col de chá de sal  ou a seu gosto

2 xic de molho de tomate caseiro (se for a polpa de tomate comum 1 xic)

200 gr de queijo muçarela fatiado

1 1/2 de creme de leite fresco

1/2 copo de requeijão

Pimenta- do- reino branca

sal a gosto

1/2 xic de parmesão

1 pedaço de papel alumínio

 

Pré- aqueça o forno em 200ºC

Em uma panela, coloque a cebola e refogue, acrescento o alho e em seguida a carne e vá desmanchando para não criar grumos.

Acrescente as ervas, sal e pimentas e misturre bem.

Acrescente o molho de tomate, misture e deixe refogando por 30 minutos em fogo baixo, mexendo de vez em quando para não queimar ou grudar. Reserve.

Montagem

Em um refratário, coloque uma porção do molho com carne, abobrinha fatiada, fatias de muçarela, molho com carne, abobrinha fatiada,  muçarela até terminar em molho de carne .

Misture o creme de leite com o requeijão, pimenta e sal .Coloque sobre a lasagna. Salpique o queijo parmesão e leve ao forno por 1 hora coberto com papel alumínio, tire o papel alumínio e deixe mais 30 minutos em forno a 160ºC. Sirva quente.